KURA

KURA, DJ e produtor Português, é no presente um dos DJs e produtores com mais hype a nível mundial. KURA é o único DJ e produtor Português assinado pela Spinnin Records, a maior editora mundial de EDM, e é o único que tem o booking na Anna Agency, agência que representa entre outros, Hardwell. O Management fica a cargo da WDB Management. Está no 51º lugar do único ranking mundial, o DJ Mag Top100.

A este facto não é alheio todo o trabalho que KURA fez nos anos precedentes tendo editado músicas por editoras internacionais de renome mundial como pelas holandesas Revealed Recordings de Hardwell; ou Spinnin Records; pela gigante norte-americana, Ultra Music; pela Protocol Recordings de Nicky Romero, e pela Armada Music de Armin Van Buuren, ou pela Wall Recordings de Afrojack, ou a Musical Freedom de Tiesto, entre outras. Se adicionarmos a estes factores o seu carisma e dom para a arte da mistura que ilumina os DJs, temos todos os ingredientes reunidos para fazer uma estrela.

Não deixa de ser curioso que um DJ que nomeia Axwell, Nicky Romero, Hardwell e Alesso como as suas grandes referências tenha sido apresentado à música de dança através de um “Fact 2”, uma compilação misturada de Carl Cox. Mas contra factos não há argumentos! KURA tinha apenas 11 anos quando a sua atenção foi roubada pelo Walkman de um colega que debitava a energia do “Fact 2”. Foi este o primeiro CD do género que comprou e assim se iniciava uma longa e profícua exploração. No início da década de 2000 e com a sua iniciação nas pistas de dança dos clubs os sentidos de KURA focaram-se no disco filtrado do French Touch de Martin Solveig, Modjo, Black Legend e no big beat dos seus heróis musicais, os Daft Punk. Crescer rodeado de tanta diversidade musical provocou um efeito secundário notório: KURA adora música independentemente de ser alternativa ou comercial, desde que seja boa, energética e cheia de groove, ele ficará feliz de a tocar. A rádio da escola estava a um passo e foi nela que KURA aprendeu a arte de escolher música para tocar para um público.

Em 2012 a agência de management e booking baseada na Suíça, WDB Management, convida-o para fazer parte do seu roster exclusivo.

2014 é o ano de todas as consagrações, KURA vence o prémio de Melhor DJ Nacional nos prémios da Rádio Nova Era e edita pela Trice Recordings, subsidiária da Armada Music de Armin Van Buuren, naquele que é o momento mais alto da sua carreira de produtor e DJ. A sua actuação no palco principal do maior festival de Verão Português, o MEO Sudoeste, foi a consagração definitiva de um percurso que apontava desde o seu início para voos muito altos. Com Outubro de 2014 a valer a estreia em Amesterdão, no club Panama, integrado na programação do Amsterdam Dance Event, e a estreia – histórica – no DJ Mag Top100, o ranking anual que elege através de voto público os 100 DJs mais populares do mundo. KURA entrou diretamente para a 42ª posição, fazendo história na música electrónica feita em Portugal ao conseguir a mais alta entrada direta de sempre por um DJ Português. KURA continua a sua residência na Mega Hits todas as primeiras sextas-feiras de cada mês. Para finalizar um 2014 glorioso, KURA voltou a editar um tema original, “Makhor”, pela incontornável Revealed de Hardwell.

2015 inicia-se com uma edição na maior editora mundial de EDM, “Blow Out” pela Oxygen/Spinnin Records. E “Collide”, que marca o regresso de KURA aos temas vocais, saiu também com o selo da Oxygen/Spinnin. Ainda em Abril, e pela segunda vez consecutiva, KURA é o grande vencedor do prémio de Melhor DJ Português nos prémios Melhores do Ano da Rádio Nova Era! KURA é o DJ Português do momento!

Em Julho chegou “Namek”, a sair novamente pela Oxygen/Spinnin Records e ficamos a saber que KURA é o primeiro DJ/Produtor Português a assinar pela maior editora mundial de electrónica, a Spinnin Records. De notar que apenas no YouTube a Spinnin conta com mais de 10 milhões de subscritores, ou seja, um número equivalente à população de Portugal. Igualmente em Julho, KURA tornou-se o primeiro DJ Português escolhido pela Coca-Cola para remisturar o tema oficial, “First Time, First Love”, que acompanha a campanha #beijafelicidade e, nesse sentido, KURA protagoniza uma campanha digital para a mais famosa marca de refrigerantes do mundo.

Em Outubro chega “King Kong”, uma colaboração com Tony Junior, que é editado com o selo da Wall Recordings de Afrojack, mais uma conquista para KURA, e ficamos a saber que há uma colaboração com o incomparável Hardwell na calha! Em Outubro KURA fica classificado , pelo segundo ano consecutivo, em 61º lugar do Top100 da DJ Mag e em Novembro KURA junta o seu nome a uma lista de produtores de topo mundiais ao assinar a remistura de “Young Again” para o disco de remisturas de Hardwell, “United We Are”.

Em Novembro estreia Ambush Radio, o programa de rádio de KURA que estreou num live stream no seu canal oficial de YouTube com excelente resposta dos fãs. O programa é distribuído mundialmente para as rádios, e está disponível no YouTube oficial e no iTunes.

Para o final de 2015 fica guardado “Kubano”, um sabor tropical que será editado pela Doorn Records de Sander van Doorn e mais uma estreia numa editora para KURA.

2016 começa em grande com a colaboração de KURA com Hardwell em “Calavera”, um tema que chegou ao número 1 da tabela de vendas do Beatport e contou com o apoio de muitos DJs de topo mundiais. Em Maio saiu “Bounce”, um tema que sai novamente pela Revealed Recordings de Hardwell. A sua colaboração com Tony Junior, a segunda, e com Jimmy Clash chega em Julho e marca a estreia de KURA na editora de Tiësto, a Musical Freedom, e conta já com números impressionantes: 28 dias no top 10 do Beatport; 3 milhões de streams no Spotify; e 2.8 milhões de visualizações no YouTube, números que sobem de dia para dia. Para o final do ano ficou reservada uma nova colaboração de luxo em “Mad Man” que junta KURA à estrela holandesa, Laidback Luke. Para terminar o ano de edições musicais fica reservado “Tora” para Novembro, um tema que chegou ao topo da tabela de Big Room no Beatport, marcando assim um ano com dois lugares cimeiros na chart de vendas. Se juntarmos a isto as suas atuações no Tomorrowland e Ultra Europe, e sete tours mundiais, 2016 vai fechar como o ano mais épico, até ao momento, da carreira de KURA.

KURA está imparável, e isto é apenas o começo.

Unicorn life 🦄🦄🦄 ... See MoreSee Less

View on Facebook

Been here for so long I'm getting those Asian face gains 🇨🇳😂 ... See MoreSee Less

View on Facebook

Massive shoutout to Storm Festival Chengdu! This was crazy! 🇨🇳more than 15k rocking with me!! ... See MoreSee Less

View on Facebook